Você está aqui: Página Inicial / Institucional / Notícias / LDO entra em pauta na Câmara de Marechal Floriano

LDO entra em pauta na Câmara de Marechal Floriano

por Gibran S. Christo publicado 08/06/2017 11h20, última modificação 12/06/2017 11h09
Legislativo realizou primeira discussão sobre o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias

A Câmara Municipal de Marechal Floriano realizou duas Sessões na noite desta terça-feira (06). Na 9ª Sessão Ordinária, a pauta foi apenas para discutir a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Os vereadores utilizaram a Tribuna da Casa para debater o projeto que norteia a LOA (Lei Orçamentária Anual) para os próximos anos no município.

 

Durante a primeira Sessão, houve a discussão em primeiro turno, seguindo a Lei Orgânica da cidade, os parlamentares discutirão novamente a LDO, enviada pelo Executivo a Casa, quando também será colocada em votação. Outras proposições entraram na pauta, mas tramitarão nas Sessões seguintes.

 

Em seguida, foi iniciada a 3ª Sessão Extraordinária para apreciar o Projeto de lei 069/2017, que trata de subvenção financeira às instituições sociais Associação Pestalozzi e Lar do Idoso “Sou Feliz”. Os trabalhos da Casa se deram sobre estes dois assuntos e, também, sobre a crise enfrentada por alunos e suas famílias, ao utilizarem o transporte escolar no município.

 

Vereador Renato Werneck (SD)

Renato Werneck, propôs que antes de entrar em pauta o estatuto dos servidores, seja feita uma reunião entre os vereadores para que, junto ao sindicato da categoria, possam debater o assunto com maior amplitude. Diony Stein (PMDB) reforçou sua disposição ao fiscalizar o transporte escolar e seu interesse em colaborar na reformulação do estatuto dos servidores públicos.

 

O Projeto de Lei de autoria do vereador Diony Stein (PMDB) da Semana Municipal de Exposição de Motos.

Diony justifica que o projeto além de aumentar a arrecadação do comércio e do Município, foi inúmeros pedidos dos moradores apaixonados por motos, no intuito de realizar este evento no município.

 

Vereador João Cabral

Cabral (PSDC) afirmou que a Pestalozzi passou por situação de dificuldades financeiras e que este recurso vai ser de grande importância para a instituição realizar seu trabalho para as famílias de alunos especiais. A cada dia há maior demanda e o democrata cristão reforça que está a disposição para ajudar a estas duas instituições sociais que prestam serviços relevantes para a população de Marechal Floriano.

 

Dodô kröhling (DEM) afirmou que os alunos das escolas da cidade estão sendo transportados de maneira irregular e com falta de segurança, o demista relatou que recebe reclamações de pais sobre estas situações e sugeriu que o Ciretran se manifeste sobre a fiscalização que o município deve fazer.

Projeto de Lei de autoria do vereador Joaquim Stein que institui o Programa Momento Mulher, a ser desenvolvido anualmente no mês de março.
 

Com a intenção de proporcionar melhor qualidade de vida às mulheres, Joaquim Stein (PTB) apresentou Projeto de Lei 063/2017. Se for aprovado, a lei cria o ‘Programa Momento Mulher, no mês de março de cada ano. Felipe Delpuppo (PP) apresentou dois Projetos de Lei. O PL 065/2017 autoriza o município a criar o serviço de ‘Disque entulho’. O PL 064/2017 trata da criação do ‘Programa de Adoção de Animais Abandonados’ no município.

 

Projeto de Lei de autoria do vereador Felipe Delpuppo (PP) que institui o Programa Municipal de Adoção de Animais Abandonados. O programa ainda que o animal, quando for adotado, já deve estar vacinado, castrado, identificado e com boa saúde, sendo proibida a comercialização. Para o vereador, a parte mais importante da lei é dar o abono nos impostos para o contribuinte, incentivando a adoção.

Cezinha Ronchi (PSDB) discursou sobre sua indicação para a unidade de saúde em Araguaia e explicou que o Projeto de Lei, de sua autoria, que versa sobre a ‘Adoção do Banheiro Público',  por empresas, é uma iniciativa de sucesso na cidade de São Paulo e quer que Marechal Floriano saia na frente no estado.

 

Projeto de Lei do vereador Cezinha Ronchi, que dispõe sobre a criação do ‘Programa Adote um Banheiro Público’, que tem como principal ampliar o número de sanitários, disponibilizando o uso gratuito, bem como atender a demanda da crescente população, sendo que o Município poderá estabelecer parceria com entidades sociais, instituições ou empresas privadas, interessadas em financiar a instalação e manutenção dos mesmos, com direito à publicidade.

"O tucano reforçou a fala de Dodô sobre a qualidade do serviço prestado pela empresa concessionária do transporte escolar e que o órgão de trânsito faça essa fiscalização".

error while rendering plone.comments